Publicado por: Lourival Dias | 07/11/2010

[Reporte de Sessão – 15] Keep on the Shadowfell – Fortaleza no Pendor das Sombras

Então, Yolaws, o mago, e Gadak, o paladino, começaram a andar se esgueirando pela parede à oeste.

Nada aconteceu.

Eles foram até os querubins e começaram a analisá-los.

Balasar, o senhor da guerra, andou pelo meio da câmara, na direção da grande estátua.

Este foi o seu erro.

A estátua se move de repente, desferindo um golpe com sua grande espada na direção do draconato.

Este foi atingindo no braço, sendo gravemente caído e derrubado no chão.

Gadak caminhou pela pequena câmara, onde estavam os querubins.

Neste momento surge algo como um escudo arcano à frente e às suas costas, prendendo-o na pequena sala.

Das estátuas de querubins começou a jorrar água, enchendo o ambiente.

Sem saber o que fazer o paladino começou a tentar derrubar algumas daquelas estátuas.

Quando derrubou a segunda estátua a água cessou e as paredes arcanas que haviam surgido desapareceram.

Balasar, apesar do ferimento estava consciente e começou a se deslocar até onde estava Victorius, o outro mago do grupo, que estava próximo à parede oeste, porém Balasar se deslocava rastejando para evitar outro possível golpe daquela estátua.

Então, quando todos se encontravam na pequena sala dos querubins abriram a porta ao sul.

Quando entraram na câmara sentiram um fedor pútrido e intenso que exalava nesta câmara. Cadáveres de humanóides, mastigados e parcialmente devorados, estavam espalhados em toda a área.

Tiveram que pensar rapidamente, já que os zumbis começaram a caminhar na direção dos exploradores.

Os aventureiros então foram, bem devagar, movendo-se para a câmara anterior, atraído os zumbis para lá.

Ao chegar na câmara foram se esgueirando de forma que a grande estátua do guerreiro atacasse os zumbis.

Os aventureiros também tiveram que ter bastante cuidado para não serem atingidos pela armadilha.

Quando todos os zumbis foram destruídos, os aventureiros avançaram novamente.

Ao adentrar na câmara viram de relance um homúnculo se deslocar desta sala para uma outra à leste. Além disso, à frente dos aventureiros, pronto para atacar, havia um carniçal.

Então, estes tiveram que se virar para derrotar aquela criatura que atacava com uma ferocidade acima do normal.

Balasar foi o que sofrera mais golpes mortais, mas felizmente não perdeu sua vida no combate.

Gadak, o paladino, logo matou o carniçal em um golpe frontal com sua espada.

Ao final do embate os aventureiros descansaram um pouco e ajudaram Balasar a se recuperar.

Depois do descanso seguiram caminho.

Desceram por uma pequena e larga escadaria até chegarem em uma porta.

Tentaram ouvir se havia algo atrás da porta, mas não escutaram nada.

Yolaws, porém, sentiu um turbilhão de magia proveniente do outro lado da porta.

Seria a fenda? Os aventureiros se perguntavam.

Após se prepararem psicologicamente, Balasar abriu a porta.

Abriram esta e seguiram por um longo corredor.

Então, ao final do corredor, adentraram em uma câmara que era iluminada basicamente por três colunas que emitiam uma luz azul-esverdeada.

Filetes rubros como o sangue recobriam o chão e terminavam em uma grade sobre um buraco no centro desta catedral envolta em sombras. Um átrio ao longo da parede leste parecia fornecer o sangue. Um humano em mantos negros podia ser visto neste local, erguendo uma faca, entoando orações para o lorde demônio Orcus! Seu rosto exibia uma tatuagem negra de um crânio de um bode.

Viram ainda na câmara muitas criaturas parecidas com vampiros, além de homens com espadas prontos para o combate, então, estas criaturas avançaram na direção dos aventureiros.

Victorius percebeu que haviam correntes compridas que poderiam dar acesso ao fosso.

– Será que devemos descer? Falou o mago.

Área explorada até o momento pelos aventureiros do nível 2

Última câmara em que os aventureiros entraram!

Então, vamos ver o que acontecerá na próxima sessão!

Até!

 

Anúncios

Responses

  1. poxa, que mapa massa! Ai meu Deus… to querendo jogar isso!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: