Publicado por: Lourival Dias | 23/02/2012

Resenha: O Forte de Bernard Cornwell

Olá pessoal! Hoje vou falar de um dos melhores livros de batalha que já li. É o “O Forte” de Bernard Cornwell, publicado no Brasil no ano passado pela Editora Record. Não é um calhamaço de livro, este contem 487 páginas, é um livro de porte médio.

O Forte é um romance histórico, como muitos escritos por Bernard Cornwell, situado durante a Guerra da Independência dos Estados Unidos, mais especificamente em 1779, quando o exército inglês aportou em um vilarejo de Massachusetts (Majabigwaduce) com o objetivo de montar uma base do reino (Inglaterra) contra os rebeldes (Norte-Americanos).

O livro é dividido em 14 capítulos e uma nota histórica ao final do livro. Entre os capítulos há trechos de cartas e documentos históricos relacionados à história do evento. A nota histórica trata do que acontece posteriormente aos personagens do livro.

Algo de que gostei muito do livro é que todos os personagens e os navios identificados durante a história existiram de fato exceto os personagens que apresentam sobrenome iniciados por “F”, estes são apenas figuras de ligação ou para dar alguma dinâmica no enredo.

A história é contada segundo o olhar dos generais, capitães, tenentes, enfim, segundo os líderes de patente mais elevada, são raros, mas ainda ocorrem momentos em que se passa com aqueles de patente baixa (soldados, marinheiros, pífaros, etc).

O Forte não retrata um grande evento, mas o modo como o autor o escreve faz com que você sinta certa grandiosidade daquela batalha. As personagens são retratadas com genialidade, os diálogos revelam muito de suas personalidades, apenas um dos diálogos não existiu e o autor cita isto na nota histórica. Conforme o final se aproxima você não consegue parar de ler, a sensação da derrota iminente e sanguinária de um dos exércitos faz com que você queira logo saber como se dá o fim e quem sairá vitorioso. O final do livro também trás uma reviravolta que dá um sabor todo especial ao livro.

Outro ponto que achei bastante interessante é sobre a descrição das armas e de seu manuseio, sem querer você acaba aprendendo bastante sobre, principalmente, canhões e mosquetes, como carregá-los e o tempo necessário para se fazê-lo.

É um livro que eu recomendo àquelas pessoas que procuram algo emocionante, rápido, de leitura simples (apesar de alguns termos técnicos um tanto quanto complicados, mas nada que uma busca no Google ou em uma Enciclopédia/Dicionário não resolva) e dinâmica e que de fato existiu (é um evento histórico!). Também é muito bom para quem é interessado em história dos Estados Unidos e/ou da Inglaterra.

Bernard Cornwell é um autor britânico, responsável por diversas outras obras (resenhas no futuro, aguardem!) como Azincourt, O Condenado, Stonehenge, Crônicas Saxônicas (série), Aventuras de um Soldado nas Guerras Napoleônicas (Série) – também conhecida como Aventuras de Sharpe –, A Busca do Graal (Trilogia) e As Crônicas de Artur (Trilogia). Estas foram publicadas pela editora Record.

Espero que vocês tenham gostado da resenha e que eu possa ter semeado um pouco a vontade de ler esta grande história de um renomado autor.

Até!

Gostaria de Adquirir O Forte ou outros livros de Bernard Cornwell? Considere clicar em um de nossos banners, o Dragões dos Reinos ganha comissão. Valeu!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: